HISTÓRIAS SOBRE ANTI GRAVIDADE

 

Desconhecido para a maioria das pessoas, há uma variedade de pedidos de engenharia histórica para a gravidade.Certamente muitas delas são fantasiosas. No entanto, a análise comparativa parece mostrar uma metodologia de projeto comum, apesar do fato de os autores não teriam tido contato um com o outro, separados geralmente por grandes quantidades de tempo e espaço.

Os mais antigos relatos sobre máquinas voadoras são registrados na literatura védica, e datam do Império Rama cobrindo norte da Índia e do Paquistão 15.000 anos atrás. Rama era uma civilização rival para a cultura atlante, se perdeu na história, quando uma mudança de pólo congelou sobre a Antártida tornando-o inabitável. Os textos afirmam que possuíam máquinas voadoras que chamaram de "Vimanas". Eles foram duplamente enfeitada, redondo, e tinha escotilhas. Tradução de William Clendenon do Sutradhara Samarangana de seu livro de 1990, Mercury, UFO mensageiro dos deuses dá alguns princípios básicos:

Dentro do quadro de ar circular, coloque o mercúrio do motor, com a sua caldeira de mercúrio elétrico / ultra-som na parte inferior central. Por meio da potência latente no mercúrio, que define o turbilhão de condução em movimento, um homem sentado em seu interior pode percorrer uma grande distância no céu de uma maneira mais maravilhosa. Quatro recipientes de mercúrio fortes deve ser construído sobre a estrutura interior. Quando aqueles ter sido aquecido pelo fogo controlado a partir de recipientes de ferro, o trovão vimana desenvolve potência através do mercúrio. menos uma vez torna-se como uma pérola no céu. "

Isto está alinhado com as reivindicações feitas por Eklal Kueshana em um artigo escrito em 1966, afirmando Vailixi ofício "foram inicialmente desenvolvidos em Atlântida 20.000 anos atrás, e as mais comuns são "em forma de disco geralmente de seção trapezoidal com três motores do hemisféricas sobre parte inferior. "" Eles usam um dispositivo antigravidade mecânico impulsionado por motores de desenvolvimento aproximadamente 80.000 cavalos de potência. "

Outras partes dos textos antigos referem-se a um líquido branco-amarelado condução dos veículos, a gasolina mais provável conduzir os motores que rodam o mercúrio, e os geradores que cobraram o mercúrio. O Clendenon gráficos utilizados são, reconhecidamente, uma interpretação imaginativa dos textos antigos, mas estes mostram o layout clássico 3x1, que é de três vórtices giratórios de mercúrio em uma rodada o triângulo fora da nave, e um contador vórtice central mercúrio rotativo no centro.

imagem: Atlantean.machine.jpg

Os atlantes "Vailixi" máquinas nos textos, aparentemente, têm uma forma de charuto, e são manobráveis ​​tanto debaixo d'água e no espaço. Um texto descreve uma batalha Vimana-Vailix on the Moon. Conceitualmente, com essa tecnologia os antigos poderiam ter tanto colocar satélites em órbita simples, e até esteve em Marte, embora sem a segurança alcançado na era moderna. No entanto, os atlantes eram principalmente interessados ​​na guerra e alcançar a subjugação de outros povos.

Os textos sugerem ainda que a guerra atômica finalmente terminou o império Rama, ambos sem vontade e incapaz de pagar os tributos exigidos pelos atlantes. Os registros antigos Mahabharata que as cidades foram destruídas por "um único projétil carregado com todo o poder do Universo. Uma coluna incandescente de fumaça e fogo tão brilhante quanto a mil sóis aumentou em todo o seu esplendor ..."

Devido ao design simples mas intuitiva mecânica de Atlântida ofício, o nível de tecnologia de fabricação necessários para tais façanhas aparentemente surpreendentes, seria de fato ter sido um pouco diferente ao que é exigido para a fabricação do modelo T Ford. No entanto, a nave atlante teria sido o trabalho de mestres artesãos pessoalmente nomeados pela realeza, não comercializado produção industrial em massa.

Curiosamente, se os atlantes tinham energia atômica primitiva, um reator equipado para seus navios de inércia, teria permitido a viagem interestelar. Sem dúvida, apenas alguns navios tais teriam sido construídas, principalmente como exemplos emblemáticos Royal. Mas a possibilidade certamente existe de sobreviver antigas colônias da Atlântida em outros sistemas estelares.


Efeito de camada limite

O conceito de projeto básico atlante é para definir o espaço local, éter fluídica em movimento através de poderosos campos magnéticos rotativos. Fazendo a volta campo central, em oposição aos outros 3 campos, cria um circuito éter estável, que gera uma onda poderosa, que atua como uma barreira eletromagnética invisível, cercando e protegendo o artesanato, a criação de um hora local / zona de espaço. Variações na disposição de circuito oferecem vantagens diferentes, dependendo da aplicação pretendida cenário. Grandes dispositivos podem ser construídos através de uma abordagem modular para éter projeto de circuito de fluxo.

A intensidade do efeito depende primariamente velocidades de rotação e de tensão. Tendo criado um local tempo / espaço zona, uma pequena assimetria em rotação fluídica em uma parte da zona de local, através de milhares de rotações rápidas, é suficiente para proporcionar cumulativa considerável e impulso aditivo. O efeito irá aumentar no espaço, uma vez que a resistência do ar já não restringe a velocidade, e também a embarcação é desacoplado da velocidade de restrição de luz, uma vez que cria uma zona de espaço / tempo local. Localmente, a embarcação, por conseguinte, não quebrar a velocidade da luz, independentemente da velocidade.

O éter efeito da camada limite é forte o suficiente para deslocar objetos físicos e fluidos em seu caminho, incluindo a água do mar. Isto é crucial para a viagem espacial tão profunda que os asteróides e outros objetos sobre a trajetória de vôo não destruir a nave, e são empurrados para um lado. O Star Trek "deflector shield" é redundante, porque o efeito de blindagem é de fato totalmente integrados no sistema de propulsão. Para criar um sistema de blindagem poderoso, tudo o que é necessário é um sistema de camada limite em que os campos magnéticos são operados em simetria. Então não empuxo resultante é gerado, e objetos como mísseis balísticos seria incapaz de penetrar.

Projetos Vril

As origens do projeto nazista é indicado para ser recebido a informação canalizada pelas sociedades Vril / Thule secretos. Eles construíram um protótipo em 1920, aparentemente descrito abaixo, que foi desenvolvido pelo Dr. WO Schumann da Universidade Técnica de Munique. Curiosamente, o protótipo Vril original da década de 1920, era uma matriz 8x1.

imagem: Vril1.jpg

Suas fontes mais lhes disse que as culturas antigas realizou grandes segredos, que podem ser encontrados nos locais mais antigos em todo o mundo, a Antártida, América do Sul, norte da Índia. Thule pesquisa foi posteriormente adotada pelos nazistas, com base nos testes do protótipo de sucesso, e na verdade os nazistas tornou-se obcecado com a obtenção de conhecimento oculto, culturas antigas, e artefatos em recuperação. Este foi popularizado em filmes modernos, como Indiana Jones.

Os nazistas correu expedições anuais para o norte da Índia e da área geral do antigo império Rama desde o início da década de 1930. Histórias como as crônicas, quando Alexandre, o Grande invadiu a Índia, que em um ponto ele foi atacado por "voando, escudos de fogo", que mergulhou em seu exército e assustaram a cavalaria, é um exemplo de uma fonte que teria incentivado tal pesquisa em antiga tecnologia.

O índio imperador Ashoka também é conhecido por ter iniciado uma "Sociedade Secreta dos Nove Desconhecidos", em que cada um escreveu um único livro que resumiu o conhecimento dos antigos, como abatidos a partir de vários textos antigos. Reserve um é conhecido por historiadores apenas por título "Os segredos da gravitação". Ashoka manteve o segredo trabalho porque ele temia que o conhecimento poderia ser usado para fins de guerra, que Ashoka foi fortemente contra após sua conversão ao budismo.

Não está claro se os documentos que provam o assunto de qualquer forma por mais tempo existem, mas conceitualmente, parece mais do que possíveis agentes de campo nazista pode ter recuperado uma cópia real de "Os segredos da gravitação" em algum momento antes de a guerra eclodiu. Isso faz sentido, porque ambos nazistas e início americanos projetos antigravitacionais parecem ser copys de carbono do ofício antigo 3x1 descrito nos textos antigos.

Em qualquer caso, a sociedade Vril adquiriu os fundos para construir uma série de protótipos, notavelmente fotos de todos eles parecem ter encontrado seu caminho para a internet. Sua pesquisa bifurcado dos projetos de guerra nazistas ao longo do tempo, porque a prioridade do grupo Thule era o transporte interestelar para o sistema de Aldebaran. A facção nazista queria uma máquina de guerra pura.

 

HISTÓRIAS SOBRE ANTI GRAVIDADE -CONTINUAÇÃO

  • CONTINUAÇÃO

    Projetos nazistas O projeto Haunebu foi um garfo da série Vril projetada para produzir uma embarcação de guerra capaz. Haunebu II foi o primeiro dever máquina utilizável geral. Ao examinar a tecnologia nazista, muitos interpretaram mal as três bolas como torres de arma, enquanto eles...

Bloqueando a seleção de texto em um site
RECURSOS TOP:
  1.  Mapa Mental do Site
  2.  Buscadores Especializados
  3.  Buscador Personalizado
  4.  Buscador Unificado

_______________________________________

 
NAVEGAÇÃO + FÁCIL
 
_______________________________________

 

CONHEÇA NOSSO CANAL NO YOUTUBE

_________________________

ACESSE MILHÕES DE REVISTAS, LIVROS E ARTIGOS

_________________________

 

CURTA NOSSA PÁGINA

© 2011-2014 Todos os Direitos Reservados

Pesquisa Científica Unificada (versão 2.14)